29/04/2012

Nem homem, Nem mulher

Mirianeide Cândido

Eu não sou isso, nem aquilo
nem homem, nem mulher
Sou sua cabeça

Sou o que você quiser

Sou na lama, sou na cama
Aquele que te engana

Sou na brahma
A sua melhor companhia

Sou seu açoite
sou na noite 
A melhor coisa do seu dia 

Nem homem e nem mulher
sou o que você quiser 
qualquer tesura
qualquer loucura

Sou a sua cabeça.
                                                                                            (Mirianeide)

Um Grito parado no ar

parado no ar
O céu escuro, feio e chuvoso 
Poucos pássaros lutavam contra
a força do vento

A montanha úmida, sumia
por entre o cinzento da neblina.
um elo, Prendia as forças do supro
Sonho de liberdade.

Uma vilo aparência de um rosto
cançado, pela busca infinita do 
possível, impossível.

Sem forças para andar, rastejava
pensava o eco! o eco!
E gritei, mas foi límites, sim 
Um grito parado no ar.
                                                                           (Mirianeide)

26/04/2012

Coisas de poesia

PEDAÇOS
Porém, aos gritos e prantos,
Chega a realidade...
verdades noturnas
Esta é a minha gratidão
Quando entrego com a minha alma.
O crepúsculo de uma vida 
Coisas de poesia, 
Verdades noturnas.
                                                                    (Mirianeide)

INSENSATEZ

PEDAÇOS

Você é meu riso, minha estrela meu querer
Você é a certeza, a esperança
É o amor... é companheiro
É a mais cara lembrança.

Você é a vida... razão de viver 
Tão meu, tão junto de mim 
Sinto o seu modo de ser...
Medo insensato de amar Você.
                                                                                                           (Mirianeide)

Dentro de mim

PEDAÇOS
Ouvir...
reflexos de sonhos
Estilizados

                                             Sentir...
                                             Palavras nuas 
                                             encadeadas

Viver...
Instantes pródigos
naturais

                                             Amar...
                                             Ideias presentes vivas
                                             Dentro de mim.

                                                                                                                                                                                     (Mirianeide)

INCONSTÂNCIA


Eu sou inconstante como as ondas do mar 
Qu vagam durante a noite pelas ruas do oceano!

Eu sou inconstante como o ponteiro de um relógio 
Que anda, anda e nunca sai do lugar!

Eu sou inconstante como as chuvas de verão
Que caem sem porque e molham com vontade!

Eu sou inconstante como a primeira rosa
Que ao menor vento 
Joga suas pétalas ao chão e se desfaz em sonhos! 
                                                                 (Mirianeide)

                                                                                            

Ensaio

Aqui neste quarto íntimo
Meus pensamentos vivem
Minhas fantasias vibram
Minhas  fossas se curam
Meu amor se encontra

Aqui neste mundo vivo
Minhas coisas se acomodam
Minha vergonha dorme
Minha fala ousa
Meus olhos passeiam

Aqui neste quadrado quente
Minha mão encontra outra
Minha boca beija boca
Minha amada me declara
Seu amor, sua tara

 Aqui neste chão fecundo 
Vou plantar minhas raízes
Vou rezar, vou procriar
Vou viver, vou apanhar
Vou morrer, 
Vou AMAR ...
... VOCÊ.
                                                             (Mirianeide)

UMA VOZ NERVOSA

Tentei apanhar teus olhos
Vi sangrar meu sorriso
No sangue, a dor.
Espero-te no mar,
Espero triste
nessa selva de ódios,,
Solitário...

Me sinto como se eu fosse um
suicida
que levará da vida uma rosa
sem espinhos,
É ser nada...

Eu vivo deste amor
Da carícia de teus dedos,
O vazio atropela meus gestos
Suporto...

Minha arma,
Um corpo vacilante, apaixonado
Meu grito
é trêmulo,
É vida...

Você,
Inquieto
Eu,
Morrendo com a tarde...
...Chorando um sol que não foi meu.
                                                                                  (Mirianeide)

VEJO

Vejo 
o brilho das estrelas
cristalizarem o teu rosto
Sinto
a brisa leve e nua
a brincar nos teus cabelos
Ouço
Um silêncio maior
que o nosso...

                                                   (Mirianeide)

GRÃOS DE AREIA

O mar lhe trouxe.
As ondas tombaram
E lá, nas pedras, 
o deixaram.
Chegou a solidão.
Veio o desencanto.
Surgiu um vento rasante 
e você se fez um dos passageiros.
Passageiros errante.
Passageiro constante.
Das solidões inconstantes 
e dos amores alucinantes.
Acabou por torna-se 
um visitante,
Das noites apaixonantes.
                                           
                                                               (Mirianeide)

22/04/2012

COM SENTIMENTOS não se BRINCA

PEDAÇOS de MIM

Meu amor
Você brincou com meus sentimentos
Olhar amor,
Você cometeu um pecado imortal contra o amor.
Você amor,
Não soube aproveitar e valorizar
E todo amor
Que eu tinha por você hoje
Se transformou somente em dor.
Por favor
Não venha me procurar,
Pois com você eu não quero falar.
Como eu posso aceitar alguém que só me machucou?
Agora amor
Procure seu rumo...
E esqueça que um dia eu fui sua
Até nunca !!!
Pois estou partindo por que sei que
Não voltaremos mais.

DOCE DOR



DOCE DOR...
... LEMBRANÇAS AGRADÁVEIS QUE
ANGUSTIAM A VIDA.
É ISTO AÍ SOLIDÃO,
VEM CÁ, ME BEIJA,
ME DÊ SUA MÃO

PALAVRAS

... SE VOCÊ, DE FATO, 
MERGULHAR NESTE MANANCIAL DE PALAVRAS 
QUE FLUÍRAM DE DENTRO DE MINHA ALMA, 
CONSEGUIRÁ ME SENTIR BEM PERTO 
E COMPARTILHARÁ COMIGO UMA VIDA 
DE GRANDES AMORES...

                                                                                                                                                                    (MIRIANEIDE)

SENTIMENTO

PEDAÇOS de MIM
O que seria da vida não fossem as paixões;
O que seria de nós seres, chamados humanos,
não fossem as grandes emoções, 
que as vezes nos fazem chorar,
que nos obrigam a sofrer, falar, calar, ensurdecer,
que nos levam a odiar, que nos ordenam a amar.

Amar, amar, amar...
a razão mais forte deste meu viver.

                                                                                                                                                 (Mirianeide Cândido)

AMOR e DOR

Não sei até quando te amarei,
nem quando te esquecerei,
acredito que quando tenebrosas Valquírias
visitarem este corpo mortal minha alma voará
livremente ao encontro de meus ancestrais,
viverei em paz;
não mais sofrerei pelo amar.

Se nesta lida tão curta o amor que é tão lindo,
 amarga a vida, não sei o que seria de mim,
amar-te eternamente, sem ter um livramento,
nem ouvir-te dizer sim,
aos delírios dementes, de uma alma despida,
que teve o coração partido,
por desejar-te como se deseja a vida.

Nos corações amantes, de jovens, estudantes,
que ao lerem estes traços,
verão neles coisas semelhantes,
e entenderão como o amor e a dor,
andam no mesmo compasso com o mesmo fulgor.

                                                                      (MIRIANEIDE Cândido)

IMORTAL

PEDAÇOS de MIM
TE IMORTALIZO EM MINHAS LEMBRANÇAS, QUE O TEMPO, CERTAMENTE, NÃO CONSEGUIRÁ APAGAR, POR TE ESCULPIR EM MINHA LUA, QUE ESTOU SEMPRE A ADMIRAR. VIVERÁS ETERNAMENTE, EM MINHA BOCA, NOS MEUS POEMAS; ANDARÁS SEMPRE COMIGO, NOS BARES, NAS RUAS E CINEMAS, E AO PARTIR DESTA TERRA, DESTE PLANETA TÃO ESTRANHO, LEVAREI ETERNAS LEMBRANÇAS, DOS BONS MOMENTOS, QUE JUNTOS PASSAMOS.

Destila

Você... 
... Meu pão, meu vinho, 
me sacia, embraga, me enlouquece, 
Me AME... 
...Destila deste teu corpo, 
toda sedução que em uma mulher poderia haver,
 Sou tudo o que um homem poderia querer...

Encontrar-se

Onde estás, que procuro e não acho, e não sei mais onde vasculhar a não ser nas esquinas das ruas, onde costumavas passar. Onde fostes, se pra ti não existe nenhum lugar, se na vida encontraste apenas o pesar e ficou tão árduo teu caminhar. O que fazes nesta hora, que não seja embriagar e da sua mente poder apagar as recordações das perdas onde o destino te fez trilhar. O que te faço, se não sei onde estás, nem para onde fostes nem mesmo o que fazes nesta hora. Daqui tento te energizar para que possa um dia, em paz, finalmente se encontrar.

10/04/2012

CONFISSÃO

PEDAÇOS de MIM
Nestes dias imensos confesso o meu amor
inibido que se encontra esfacelado de dor.
A você olhar esquecido perdido como em calmaria
confesso a culpa de um homem que peca em mirar a lua
e que queria a amor nas ruas.
A você coração distante
a você transeunte do vento confesso também
a alegria imensa porque ouvindo da vida o lamento
e lutando contra o tormento espero no tempo viver.

Olhar Morto

PEDAÇOS de MIM

Neste olhar morto e cansado
neste coração inocente e puro
neste sorriso amigo e menino
neste coração ingênuo e selvagem:

Amigo, irmão e Hermano.

Debulhando as lágrimas
sentindo juntos as pedras do tempo
engolindo juntos o sal dos caminhos.

No copo de vinho, a mesa vazia
o tempo e a esperança
um desejo que nos une as mentes
um sonho que se faz presente:

E este cansado e morto olhar
acompanha o amigo e menino sorriso
de um ingênuo coração. 
                                                                                                                                         Mirianeide Cândido

LUA

PEDAÇOS de MIM
LUA

Tênue lembrança que vaga e que dança
que irrompe sengela por detrás dos montes
que brinca semeia e esconde alegria, tristeza solidão
e sorriso.
Nuvem que passa pelas árvores, qual fotografia.
Fiel beleza que habita o céu de fevereiro sertão.
Um gemido, um latido um uivo, um ganido!
Satélite, avião, estrela cadente
Um desejo... perdição!
Estrada de terra possuída por ciganos
cheiro de chão sanfona no terreiro, fogueira e balão
pinga cortando desfazendo barreiras unindo braços,
abraços e mãos.
Moça na roda...
Noite alta, madrugada.
Violão ás costas
Caminho da roça estrada sertão.

Tu és minha poesia

PEDAÇOS de MIM
Tu és minha poesia quem diria?
quem apostaria? quem imaginaria?
Tu és minha poesia
de breves rimas de poucas linhas de intensos versos.
 Tu és minha poesia discreta linha,
és a razão da minha inspiração.

SAUDADE

É saudade
esta coisa estranha que parece falta de ar
ou vontade de chorar.
Não sei!
É saudade esta falta que sinto daquele silêncio
ou daqueles sorrisos risadas, gritos, gargalhadas.
É saudade
a lembrança daquele seu olhar
daquelas pessoas.
É vontade louca de sair correndo ganhar a pé a estrada
romper a poeira
e ditar cansado á porta da casa.
Saudade profunda de ficar sempre a espera de VOCÊ.

Texto Final

PEDAÇOS de MIM
Já me mostraram o vento
o tempo, o invento e a morte.
Já me marcaram a hora
o silêncio e a sorte.
Ja me traçaram o destino...
E num quarto á meia noite
eu procuro um papel e uma caneta
pra traçar as curvas da mente
na procura do gesto
do texto final.

Balada de um Torturado












Vá. Leia-me.
Traça-me o destino de um herói
arranca-me as palavras que lhe dói
rasga-me no minuto que transforma
os mortos do inferno em brancos lençóis
mas não gaste seu tempo rasgando palavras.

Julga-me um louco em aguardente
caindo pelos cantos de um bar
mas salva-me um só dente para que eu te possa
devorar.

Sonha-me em desvaneios transparentes
e arranca teus cabelos um a um.
Blasfeme ao medo que te mata
e venha se juntar a mim.

(Celio Andrades)

DIA SANTO

Na beira de um bar
na ponta de uma mesa
um copo de vinho.
No céu, as estrelas
no vento, o luar
nas mãos, o poder
na pena, a palavra
no coração, a poesia
as tristezas e a solidão.
Num grito, um gesto.
Num rosto, um gemido.
Perdão!
Uma lágrima que escorre
uma canção que soluça
Os tempos de agora
ou a esperaça de um sonhador.

Eu queria

Eu queria voar
poesia...
Eu queria contar com você.

Passarinho
Caminho de vento
sentença de sorte
você...

E quando eu chego
na beira do abismo
eu cismo e me volto.
Só vejo
poesia
passarinho
você...

Pela Vida

PEDAÇOS de MIM

Pela Vida Canto por esta garganta cansada de ver estes dedos fortes de sangue e de morte... Choro por estes olhos cansados de ter estes dias longos de CORPOS TONTOS... Peço pelos homens de ferro: OUVIR! Peço pelas mãos sofridas: SENTIR! Peço por lamentos tantos peço pelos mortos e santos peço pela vida. E CANTO... (Celio Andrades)

As palavras sempre ficam

Se me disseres que me amas, acreditarei. Mas se me escreveres que me amas, acreditarei ainda mais. Se me falares da sua saudade, entenderei. Mas se escreveres sobre ela, eu a sentirei junto contigo. Se a tristeza vier a te consumir e me contares, eu saberei. Mas se descreveres no papel, o seu peso será menor, E assim são as palavras escritas: possuem um magnetismo especial, libertam, acalentam, invocam emoções. Elas possuem a capacidade de em poucos minutos, cruzar mares, desertos intocáveis. Muitas vezes, infelizmente, perde-se o autor, mas a mensagem sobrevive ao tempo, atravessando séculos e gerações. Elas marcam um momento que será eternamente revivido, por todos aqueles que a lerem. Viva o amor com palavras faladas e escritas. Mate saudades, peça perdão, aproxime-se. Recupere o tempo perdido, insinue-se, alegre alguém, ofereça um simples "Bom Dia". Faça um carinho especial. Use a palavra a todo instante, de todas as maneiras. Sua força é imensurável. Lembre-se sempre do poder das palavras. "Quem escreve, constrói um castelo, e quem lê passa a habita-lo."

Soneto de Amigo



Enfim, depois de tanto erro passado
Tantas retaliações, tanto perigo
Eis que ressurge noutro o velho amigo
Nunca perdido, sempre reencontrado.

É bom sentá-lo novamente ao lado
Com olhos que contêm o olhar antigo
Sempre comigo um pouco atribulado
E como sempre singular comigo.                               
                                                                
                                                                                          Mirianeide

Um bicho igual a mim, simples e humano
Sabendo se mover e comover
E a disfarçar com o meu próprio engano.

O amigo: um ser que a vida não explica
Que só se vai ao ver outro nascer
E o espelho de minha alma multiplica...
                                                                                      Vinicius de Moraes

A linguagem do Amor

PEDAÇOS de MIM 

  "Amar" 
Quando se ama,
no silêncio
as coisas falam melhor.



07/04/2012

Veja 10 regras para manter um relacionamento aberto

O uso de preservativos é essencial em relacionamentos com vários parceiros


Você está cheia de amor para dar, tanto que ficar com apenas um parceiro não seria suficiente neste momento. Mas como conciliar mais de um homem, sem magoar o parceiro? O site The Frisky fez uma lista de recomendações para um relacionamento aberto dar certo; veja a seguir.

Sem segredos - não contar para o parceiro sobre outras pessoas com as quais você está envolvida não é uma atitude correta. O ideal é construir um relacionamento transparente em que ele saiba sobre tudo o que acontece e decida fazer parte disso.

Dois contra um - compartilhar os relacionamentos que tem com mais de um parceiro, pode não ser a intenção. Para evitar que eles criem um vínculo além do que existe com você, o ideal é nunca sugerir relacionas a três.

Estabilidade - antes de encontrar novos parceiros, é preciso fortalecer e solidificar o relacionamento atual. Se os casos com outros parceiros começam antes de a relação estar bem resolvida, ela tende a acabar.

Um em um milhão - deixe claro ao parceiro o porquê você o ama. Assegure que ele tem um espaço especial em seu coração que ninguém poderia preencher. A ideia é que ele saiba que não importe com quantas pessoas você se relacione, o amor será sempre dele.

Saúde - quando você tem diversos parceiros, coloca todo mundo em um alto risco de transmissão de doenças. Por isso, é preciso obrigar todos os companheiros a terem controle sobre a própria saúde sexual e sempre se proteger durante as relações. O uso de preservativos é fundamental.

 Trabalho difícil - dê atenção a todos os companheiros. Com frequência, relembre que você se importa com eles. Tenha consideração, serja devota e romântica.

Programe-se - faça uma agenda e coloque-a em um local onde o parceiro também tenha acesso. Desta forma, vocês sempre saberão quando podem marcar algo juntos, ou quando já têm compromissos com outras pessoas.

Dependência - não deixe que sua felicidade fique totalmente dependente do amante, pois é você quem escolher ser feliz ou não.

Encontros - quer se trate de um noite regular, ou de reservar os finais de semana, certifique-se de planejar um tempo para vocês dois.

Regras - os limites devem ser estabelecidos de acordo com a necessidade do casal. Tenha certeza do que quer e crie regras que atenda estes desejos.

Veja 10 formas de fazer sexo para tentar com o parceiro

Sexo teatral - "Todos nós temos fantasias", disse o especialista em sexo Lora Somoza. "Se você está em um relacionamento comprometido e você se pegar sonhando com um policial sensual com algemas, não seja tenha vergonha de perguntar se o parceiro não assumiria este papel". A dramatização permite conhecer novas pessoas na cama sem, necessariamente, trocar o parceiro. Fingir que vocês dois não se conhecem também é uma saída para manter a monogamia como um relacionamento quente.

Sexo luxuoso - Já notou como ficar em um hotel de luxo pode esquentar o relacionamento na cama. De acordo com o sexólogo Tracey Cox, poucas pessoas vivem momentos de luxo na rotina diária, por isso, quando se deparam com isso, ficam cheias de energia. Mesmo que o orçamento não permita férias em um hotel cinco estrelas, vale tentar viver este luxo por uma noite.

Sexo em local público - A ideia de ser pego em flagrante pode ser muito empolgante, mas isso não significa que você tem que ser um exibicionista para se divertir. "Tente encontrar um estacionamento abandonado ou na última fila no cinema", disse Somoza. Mesmo que você tenha que esperar chegar em casa para realmente começar a ação, pode esquentar o clima até lá.

Sexo na praia - As ondas quebrando, a paisagem deslumbrante e qual o motivo para unir tudo isso a uma diversão entre o casal. Seja na areia ou dentro da água, a aventura apimentará o relacionamento.

Sexo proibido - "Se o livro best-seller 50 Shades of Grey nos diz alguma coisa, é que as mulheres gostam de quebrar regras", disse Somoza. Tomar o controle durante o ato sexual, pedir para o homem agir com submissão e obedecer a todas as ordens. A única regra é que ele não pode dizer não e ele não vai falar.

Sexo no banheiro - O quarto mais subestimado como local para ter relações sexuais é o banheiro. No entanto, o local pode ser interessante. Os espelhos proporcionam visão do ato de diversos ângulos, o que torna o momento ainda mais quente. Você pode usar a banheira, acender velas e ainda deixar um pouco de vapor do chuveiro tomar conta do ambiente.
Sexo fingido - Sabe quando você está brava com ele, mas também o acha extremamente atraente? Quando quer arrancar suas roupas, mas também quer resistir, porque você acha que deve ensinar uma lição? Não resista. Colocar toda esta emoção durante o sexo pode dar mais energia para a relação, segundo Somoza.

Sexo preguiçoso - Da próxima vez que estiverem deitados, prontos para dormir, tire todas as peças de roupa e se aconchegue bem perto do parceiro. A relação pode começar devagar e o clima vai esquentar aos poucos.

Sexo barulhento - Deixe, pelo menos uma vez, todas as palavras que sente vontade de dizer durante o sexo saírem pela boca, sem qualquer pudor. A ousadia cabe entre quatro paredes, deixar o acanhamento de lado e se libertar para gritar, falar e fazer qualquer ruído é válido.

Sexo em um lugar famoso - "Fazer sexo em, perto ou olhando para um lugar famoso é uma experiência incrível", disse Cox. "Você ainda não está realmente convencida de que está lá, então tudo parece surreal", completou. Na varanda do hotel, com vista para o letreiro de Hollywood, em uma escadaria tranquila do Louvre ou durante uma caminhada no Grand Canyon, o momento será inesquecível.

Aposte em 10 dicas para esquentar o sexo com seu parceiro

1SEDUZIR


 
2 CUBRA os OLHOS e ACARICIA-O

3 BEIJE-O LENTAMENTE

4 TIRE A ROUPAS BEM DEVAGAR

5 BEIJO FERVOROSO

6 SE MOSTRE ou FAÇA SHOW

7 BRIQUE

8 NO MAXIMO

9 DEITE-SE SOBRE ELE

10 TIRE O roupão de banho BEM DE VAGAR


Joguinho - Peça ao seu companheiro para prendê-la na cama. Então vá tentando fechar as pernas e resistir aos carinhos do seu gato ele não resiste
Getty Images

Homens


HOMENS, lembrem-se:

• Quando você gritar com sua mulher, 
há um outro homem que a deseja para sussurrar baixinho em seu ouvido.
• Enquanto você humilha, ofende e insulta, 
há um homem lembrando-lhe o qual maravilhosa que ela é.
• Enquanto você a machuca, 
há um homem pensando que poderia fazer amor com ela.

05/04/2012

VOCÊ ME FEZ CHORAR

Ontem Chorei. Por tudo que fomos. Por tudo o que não conseguimos ser. Por tudo que se perdeu. Por termos nos perdido. Pelo que queríamos que fosse e não foi. Pela renúncia. Por valores não dados. Por erros cometidos. Acertos não comemorados. Palavras dissipadas. Versos brancos. Chorei pela guerra cotidiana. Pelas tentativas de sobrevivência. Pelos apelos de paz não atendidos. Pelo amor derramado. Pelo amor ofendido e aprisionado. Pelo amor perdido. Pelo respeito empoeirado em cima da estante. Pelo carinho esquecido junto das cartas envelhecidas no guarda-roupa. Pelos sonhos desafinados, estremecidos e adiados. Pela culpa. Toda culpa. Minha. Sua. Nossa culpa. Por tudo que foi e voou. E não volta mais, pois que hoje é já outro dia. Chorei. Apronto agora os meus pés na estrada. Ponho-me a caminhar sob o sol e vento.
Vou ali ser feliz e já volto...!

Um sorriso


Um sorriso quando acorda
Pintado pelo sol nascente
Eu vou te procurar
Na luz de cada olhar mais diferente
Tua chama me ilumina
Me faz virar um astro incandescente
Teu amor faz cometer loucuras
Faz mais, depois faz acordar chorando”
(Geraldo Azevedo)
(Geraldo Azevedo)

Não vou desistir

Não vou desistir, não enquanto a minha alma me disser que é o que preciso fazer, enquanto eu perceber que dá razão à minha existência e que nada é mais importante do que estar feliz. E tenha certeza: dessa maneira eu apresento uma felicidade transbordante, imutável e invejável aos que desconhecem pelo que eu passei - e passo - até o presente momento.

Te digo uma coisa: a sua felicidade é a minha felicidade. Nada me importa mais do que isso. E te dou total liberdade para ser feliz, da maneira que considerar melhor.                           
                                                                                                                                                                   Mirianeide

Lembrança dos teus beijos


SOMENTE SUA

Quero ser sua....toda sua....
Deixe-me fazer amor em ti...
E juntos nos seremos apenas uma
Misturando nossos corpos,
nosso cheiro, nosso suor,
no desfalecer do depois do amor...
 
Vem para mim...