06/08/2012

Ciranda da noite (espanta mau amor e faz o sono chegar)


"(...) Dorme, amor. Dorme. O boi da cara boa é quem 'tá vindo te pegar. Se essa rua fosse minha eu mandava jardinar. O anel que tu me deste era sonho e acordou. Não era amor o que me tinhas, era nada e o gato não comeu como eu pensava, foi o vento quem levou. Vamos todos cirandar. Vamos dar mais uma volta e o nosso amor renovar."
                                                                                                                                                               Ana Nunes