10/04/2012

SAUDADE

É saudade
esta coisa estranha que parece falta de ar
ou vontade de chorar.
Não sei!
É saudade esta falta que sinto daquele silêncio
ou daqueles sorrisos risadas, gritos, gargalhadas.
É saudade
a lembrança daquele seu olhar
daquelas pessoas.
É vontade louca de sair correndo ganhar a pé a estrada
romper a poeira
e ditar cansado á porta da casa.
Saudade profunda de ficar sempre a espera de VOCÊ.